ULTIMAS NOTICIAS

6/recent/ticker-posts

Jovem de Alta Floresta deixa a vida comum para virar freira e se dedicar a vida religiosa


Nathyelly Thayanny de Oliveira, nasceu em Várzea Grande, Estado do Mato Grosso, morou em Vilhena e Rolim de Moura, Estado de Rondônia, e no ano de 2018 mudou-se para Alta Floresta D’Oeste, Estado de Rondônia. 

Nathyelly foi batizada na Igreja Católica ainda criança, religião em que se sente acolhida e demonstra grande disposição para servir a Deus. Desde criança participa de missas, foi catequista, auxiliou pastorais das comunidades e paróquias onde morou, na adolescência teve a alegria de ser admitida como acólito (aquele que serve no altar como auxiliar do padre), e ainda aqui nesta cidade fundou o grupo Juventude Missionária.

Desde sua infância sempre demonstrou interesse em servir a Igreja, sempre em contato com religiosos e religiosas, padres e irmãs, das cidades em que morou, buscando aprender sobre a vida consagrada. 

Já entrando na vida adulta, etapa de discernimento sobre os rumos que poderia tomar na vida, passou a fazer acompanhamento com o Padre George, pároco da Paróquia Nossa da Penha, do município de Alta Floresta D’Oeste –RO, que auxiliou a jovem a sanar suas dúvidas sobre a vida religiosa consagrada, para que pudesse definir se seria realmente esse caminho que deveria seguir.

Entre as indagações e conversas que tiveram, o Padre que é natural do Congo, apresentou a jovem a vida religiosa dos missionários do Verbo Divino (Ordem Religiosa, que o padre pertence), o que despertou em seu interior o ímpeto pela vida missionária. Para Nathyelly, o Padre George foi um grande amigo, pai e diretor espiritual, uma fonte de inspiração. 

Nesse período de discernimento teve a oportunidade de conhecer as irmãs Carmelitas Servas de São José, através das redes sociais, onde então, passou a ter contato com uma irmã que faz acompanhamento vocacional, que passou a explicar para ela como era o cotidiano do convento, como aconteciam as formações, trabalhos e atividades pastorais. 

Então, a moça passou a lutar contra suas dificuldades para conseguir entrar no convento. Com apoio da Paróquia Nossa Senhora da Penha, que sempre a acolheu de braços abertos, apoio dos Padres da cidade e de todos seus amigos, conseguiu enfim, realizar seu grande sonho de ir para o Convento. 

Mesmo diante das dificuldades, dos problemas familiares, nunca se distanciou de Deus, que é seu terno pai e protetor, que nunca a abandonou e que sempre colocou a mão sobre seus caminhos. 

Agora neste momento, caminhando para o próximo passo de sua jornada, deixa saudade a sua mãe, pai, irmãos, familiares, amigos e conhecidos. Com sua grande disposição de servir a todos, mesmo diante de dias difíceis, sempre manteve em seu coração o ponto de partida, que é o amor a Deus. 


Click nas fotos para visualizar.

Fonte - Paróquia Nossa Senhora da Penha.













Postar um comentário

0 Comentários