ULTIMAS NOTICIAS

6/recent/ticker-posts

Em Vilhena, viaturas da PM e Bombeiros atolam em chácara onde acontecia festa clandestina movida a bebidas e drogas sintéticas; veja o vídeo


Em seu perfil no Facebook, o sargento da reserva da Polícia Militar, Alexandre Damasceno, que atualmente exerce o cargo de vereador em Vilhena pelo PROS, publicou vídeo mostrando um caminhão do Corpo de Bombeiros atolado numa chácara, onde várias pessoas acabaram presas participando de uma “Corona Fest”.

Damasceno explicou que o evento ilegal, que começou no sábado e acabou na manhã de domingo, reuniu dezenas de pessoas na “Chácara da Sucam”, a cerca de 6 km da área urbana de Vilhena.

 

O parlamentar-militar disse que três viaturas e um micro-ônibus da PM ficaram atolados e, por isso, um caminhão dos Bombeiros foi acionado, mas também acabou preso na lama.

O trabalho para retirar os veículos do local só acabou no final da tarde. Damasceno, que mesmo tendo aposentado a farda participou da operação, conseguiu duas máquinas da SEMOSPe do SAAE para fazer o resgate.

A FESTA

A festa com drogadinhos e aglomeração de pessoas reuniu também menores de idades e foi regado a bebidas e drogas. Além de maconha, entorpecentes sintéticos também foram encontrados na chácara.

Ao criticar a festa, Damasceno lembrou que, enquanto o comércio é sacrificado em nome do combate à pandemia,  eventos clandestinos como o de hoje continuam espalhando o vírus e agravando a situação sanitária em Vilhena.

Lidando diretamente com a falta de leitos para pacientes com a Covid-19, o vereador classificou como “irresponsabilidade” a festa clandestina realizada por jovens que, ao voltarem para suas casas, contaminam seus pais e avós.

APREENSÕES

Apesar de cerca de 40 pessoas terem sem embrenhado na mata para fugir do flagrante, 57 com idades entre 18 e 35 anos, e cinco adolescentes de 16 e 17, foram conduzidos para a Delegacia da Polícia Civil.

No local também foram aprendidas três pantaneiras com cervejas e garrafas de vodca e, entre as drogas encontradas com alguns dos frequentadores da festa, estavam, além de uma pequena quantidade de cocaína e cerca de 80 gramas de maconha, 22 MDMA, mais conhecidas como “balas” e 40 unidades de LSD, que são consideradas drogas sintéticas.

A ação contou com o apoio três viaturas de PM, inclusive com a do Canil Municipal, assim como, com micro-ônibus e viatura de combate a incêndio do Corpo de Bombeiros, sendo que alguns veículos acabaram atolando no local. Também foram apresentados na delegacia, 09 chaves de veículos e 30 aparelhos celulares.

O responsável pela chácara entrou em contato com a Policia Militar e afirmou não ter autorizado a realização de festa no local e nem mesmo a entrada dos envolvidos. Dentre os nomes dos conduzidos que foram autuados por corrupção de menores e porte de entorpecentes, estão moças e rapazes que ostentam “vida boa” nas redes sociais e outros, que são filhos de autoridades, empresários e policiais.









Fonte: Folha do Sul 

Postar um comentário

0 Comentários